O uso de CDN no Brasil

post #polemico!

Já li em diversos lugares recomendando o CDN como forma de aumentar a velocidade do site.

Bom, primeiro, o que é o CDN mesmo? Segundo a wikipedia:

Content Delivery Network (CDN ou Rede de Fornecimento de Conteúdo) é um termo criado em fins da década de 1990 para descrever um sistema de computadores interligados em rede através da Internet, que cooperam de modo transparente para fornecer conteúdo (particularmente grandes conteúdos de mídia) a usuários finais.

Resumindo, uma CDN funciona assim: meu site está hospedado num servidor no Arroio Chuí e você mora no Oiapoque, lá no Pará. O tempo que vai demorar para as informações do site atravessarem todo o país e chegarem até seu computar (ou smartphone), pode fazer com que você tenha uma má experiência e abandone o site e nunca mais volte, porque ele é lento. A CDN é como um outro servidor na Bahia que armazena os dados do seu site. Com isso, os dados não vão ter que atravessar o pais inteiro. Estarão vindo da Bahia, logo ali em relação ao Pará.

O Google diz claramente que um dos fatores de posicionamento hoje em dia é o tempo de carregamento das páginas e uma das recomendações é o uso de CDN.

Até ferramentas de medição de tempo de carregamento, quando baseadas no Yslow (do Yahoo!) sugerem o uso de CDNs para aumentar a velocidade de carregamento.

Tá, mas qual a polêmica no uso de CDN aqui no Brasil?

ATUALIZAÇÃO: pula pro final do post que eu explico

A “questã” é que aqui no Brasil, temos poucas empresas oferecendo CDN de maneira espalhada pelo Brasil. A maioria possui um Data Center aqui em SP e outros em outros países.

Alguns exemplos que tive buscando “CDN” no Google:

Meta CDN - não há na América do Sul

Meta CDN – não há na América do Sul

Cloudfare CDN: O mais próximo fica em Valparaíso/Chile

Cloudfare CDN: O mais próximo fica em Valparaíso/Chile

CDN Brasil: Tem apenas em São Paulo

CDN Brasil: Tem apenas em São Paulo

Juro que tentei encontrar outros serviços de CDN nacionais, mas não encontrei nenhum que dissesse claramente: nós oferecemos "servidores" aqui, ali e ali.

Juro que tentei encontrar outros serviços de CDN nacionais, mas não encontrei nenhum que dissesse claramente: nós oferecemos “servidores” aqui, ali e ali.

 

Ou seja, se você quer aumentar sua velocidade aqui no Brasil, vai ter que pesquisar muito bem para achar um serviço que realmente te ajude e caiba no seu bolso.

Por isso, dependendo do que as pequenas e médias empresas oferecem em seus sites, não adianta sair contratando CDN só porque te recomendaram. Sites que usam principalmente textos e imagens e querem atingir somente o Brasil, podem se dar por satisfeitos em otimizar as suas páginas, imagens e demais fatores, que isso já vai resolver boa parte dos seus problemas. A não ser que seu público-alvo também esteja na Califórnia ou em Vancouver. Aí você pode precisar desse serviço.

Lógico que empresas de midia, ou que transmitem videos, musicas e arquivos mais pesados, estas têm sim que investir nisso para não prejudicar a experiência do usuário, porque  aí fica aquela sensação de DVD sujo/riscado que fica travando (ou até aquela chamada via SKYPE que fica travando por causa da conexão – isso me irrita profundamente)

Ah, só uma coisa: essa opinião é apenas agora (abril/14) porque não encontrei serviços de CDN reconhecidos que ofereçam servidores espalhados pelo Brasil. Se (na verdade quando) começarem a oferecer estes serviços com preços e qualidades bons, a resposta é sim, você deve usar este tipo de serviço.

Aos especialistas em profissionais de SEO que eventualmente lerem este texto: gostaria de discutir este assunto? Estou bastante curioso para saber outras opiniões ou conhecer fornecedores deste tipo de serviço! #ajudae

 

ATUALIZAÇÃO:

Fiz este post apenas interpretando os mapas e informações oferecidas nos mapas e conteúdos de cobertura em diversos sites tanto nacionais como internacionais, e por isso esta parte da polêmica está errada: Existem SIM fornecedores destes serviços aqui no Brasil com POPs ou servidores espalhados por todo o Brasil, inclusive em cidades bem afastadas no interior do Amazonas. Ou seja, é necessário sim para qualquer empresa que deseje ter seu conteúdo “mais próximo” de todas as regiões do Brasil contratar este tipo de serviço.

 

Acho só que eles devem melhorar um pouco a comunicação pra deixar isso mais claro.

 

Agradeço ao Diego, da Distribui, e ao Vinicius, da Exceda, que se comunicaram comigo apontando esta falha de comunicação.

Tem também a UPX que oferece este serviço, que estava anteriormente no post.

 

 

Publicado em Blog, SEO